Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulheres

Romeu Prisco
 
Confesso que amei todas as mulheres
Desde a minha santa e devotada mãe
De quem sorvi o leite da vida
Até a mais ímpia e devassa prostituta
De quem sorvi o nectar do prazer.
 
A primeira no azul berço me embalou
Com todo o carinho maternal
A segunda no rubro leito me realizou
Com toda a fúria carnal.
 
Nada seria sem as mulheres
Se do ventre de uma não tivesse saído
Para que o mundo pudesse me conhecer
Se no ventre de outra não tivesse penetrado
Para que o mundo eu pudesse conhecer.
-----------------------------------------------------------
Respeite os direitos autorais.

Visite:

www.lunaeamigos.com.br/prisco/prisco.htm

www.recantodasletras.com.br/autores/romeuprisco
Romeu Prisco
Enviado por Romeu Prisco em 25/08/2006
Código do texto: T224762

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Áudio
Mulheres - Romeu Prisco
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Romeu Prisco
São Paulo - São Paulo - Brasil
142 textos (31845 leituras)
9 áudios (4848 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:25)
Romeu Prisco