Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MESMICE

As ruas de pedra.
As casas, as mesmas.
O calor desta cidade, igual.
No jardim da praça,
As flores nascem e,
Continuam as mesmas aos meus olhos.
Viu só?
Ouça o latido:
O vira-latas continua...
No mesmo lixo.
O Geraldo, sim, o da carroça,
As mesmas palavras.
Sabugo, seu burro,
Talvez nem escute mais.
No mesmo compasso,
Mesmos passos.
Tudo igual!
Nada mudou.
Sou o mesmo...
Veja, procura ver com os meus olhos...
Você descendo a rua,
Eu subindo,
Agora, você mais perto...
Meu coração dispara.
As pernas, as suas,
A cada passo,
Esfrega-se uma na outra.
Mesmice.
As pernas, minhas, tremem.
Seu vestido apertado,
Teimoso, sobe.
Deixa a mostra pedaços,
Para mim, inteiros.
Suas mãos,
Mesmice,
Teimam e estica-e-puxa,
Para baixo.
Tudo no lugar.
Viu só.
Nada mudou,
Continuo amando...
E você, talvez nem saiba.
Mesmice.

kmmarcos
Enviado por kmmarcos em 25/08/2006
Código do texto: T225346
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
kmmarcos
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
133 textos (20077 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:30)
kmmarcos