Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anjo de plástico.

Minha sina,
Como um anjo fujão
Apareço e modifico
Quebro padrões destruo os medos alheios...
E vou embora

Um anjo de plástico
Não sei existir
Fecho meus olhos e desapreço
Sou parte do mundo
Me torno parte de todos que me cercam

Sou a real ilusão
Não vejo meus pés
Não vejo minhas mãos

Às vezes eu sinto flutuar
Como um anjo de plástico
Um carma irresistível.

Minha sina
Modificar e desaparecer.


Leo Magno Mauricio
Enviado por Leo Magno Mauricio em 27/08/2006
Código do texto: T226594
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leo Magno Mauricio
Guarulhos - São Paulo - Brasil
455 textos (14413 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 09:59)
Leo Magno Mauricio