Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0798 - Contraditório, o amor...




O amor tem olhos que não se vê,
braços que não se abraçam,
pés que não fazem correr,
mãos que não afagam.


O amor tem olhos que só enxergam outros,
braços que agarram quando se encontram,
pés que te carregam sem perceber,
mãos que acarinham na distancia.


O amor tem corpo que não tocamos,
sorrisos invisíveis e inaudíveis,
tem veste que não trocamos,
cheiro que não percebemos.


O amor é corpo que flutua,
risos que vem e vão carregado de beijos,
vestes que rasgam quando se amam,
perfume que só impregna a alma.


O amor não tem sexo e vive dele,
o amor não tem corpo e depende dele,
o amor não tem sobrenome e o conhecemos,
o amor não tem endereço e o encontramos.


O amor sou eu, ele, ela, outro...
A paz que só ele sabe oferecer,
o mundo que cabe apenas duas pessoas,
o deus que veneramos antes de crer.


29/08/2006
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 29/08/2006
Código do texto: T227798
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116243 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 23:59)
Caio Lucas