Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

“Sobrevida”

Há um barco que desliza no vasto mar
Há um adeus a deriva no cais
Há uma vontade enorme de voltar
Há um orgulho ferido demais

Há uma impotência que cala o coração
Há um desejo de não dá o braço a torcer
Há uma saudade que atormenta a razão
Há naquele cais, você

Há em mim um pranto que rola
Há em você um olhar perdido
Há entre nós uma lembrança que não consola
O Meu confuso coração arrependido

Há no ar a salinidade que meu pranto derrama
Há na tua silhueta á distancia um desejo que em mim grita
Há uma tempestade que chega e inflama
E esse mar de indecisão me agita

Então, volto rápido ao cais
Meu doce alento
E te abraço como jamais
Nesse momento

E atraco de vez meu coração
Nau outrora perdida
Num oceano onde a desilusão
Naufragou esquecida
E fez submergir a razão
Dando ao amor sobrevida.





® Varley Farias Rodrigues


Varley
Enviado por Varley em 29/08/2006
Reeditado em 19/11/2006
Código do texto: T228107

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Varley Farias Rodrigues). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Varley
Fortaleza - Ceará - Brasil, 53 anos
127 textos (5448 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:34)
Varley