Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor puro

Fecho os olhos e viajo
O fado a embalar,
Meus sonhos e o desejo,
De breve a Portugal voltar.
E talvez por lá ficar

O que sei é que não sei.
Como esse caso resolver.
Sou brasileira de alma lusa.
Minhas saudades enrolam-se,
Nas cordas de uma guitarra!...

Se coimbrão ou lisboeta,
Isso é o que menos importa!
O fado traz-me a saudade,
Mas sem ele não posso viver.
Se falta  o fado,bem pareço vou morrer!

Aquele xaile negro?
Trago sempre  comigo,
Aquece-me com a lembrança do teu amor.
Fala do tempo que entreguei,
Meu coração e meu viver  em tuas mãos...

Mãos que se deixam escorregar,
Sob as cordas de uma guitarra à trinar.
Olhar sem querer olhar,
Para depois cantar o fado,
Que me faz de tristezas chorar

Vou chorar a falta que esse amor faz,
Contento-me em ter-te comigo,
Mesmo que em pensamento,
Trinando as guitarras ajudam-me,
A cantar meu amor nas asas desse lamento!...


Minhas lágrimas a cantar o fado!...
Traz esse amor a meu lado,
Sinto-te com todo calor!...
Qual só poderia na realidade,
Mesmo que não tenha nisso verdade.

Antologia Literária InternacionalAbrali Editora,Curitiba 2006
Denise Figueiredo
Enviado por Denise Figueiredo em 30/08/2006
Reeditado em 10/07/2011
Código do texto: T228450

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite e o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Figueiredo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 67 anos
313 textos (14442 leituras)
16 áudios (2928 audições)
5 e-livros (193 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:36)
Denise Figueiredo