Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quero fazer amor com você

Quero fazer amor com você
Como sol faz com a madrugada
acendendo o céu
e incendiando o mundo de vermelho paixão

Quero fazer amor com você
como a abelha fecunda
sua mais bela flor
e dela extrai seu melhor mel

Quero fazer amor com você
como o mar que se desmancha
em ondas na areia , lambendo-a sensualmente
e invadindo-a ...gradualmente

Quero fazer amor com você
como uma tempestade súbita
surgindo do nada e te inundando
de tesão , loucura, desejo
te afogando num mar de sonhos molhados...

Quero fazer amor com você
como o rio deságua no mar
e se mistura , funde-se a ele
ambos sendo parte e todo do Tao do prazer

Quero fazer amor com você
recriando o significado da expressão
além da sua profunda exaustão
gerando uma nova dimensão

Quero fazer amor com você
com a intensidade de dois mundos que se colidem
como duas energias ditas plenas que se chocam
e resolvem-se na resultante perfeita

Quero fazer amor com você
como duas metades que voltam a se encaixar
e o fazem de forma perfeita
sem espaços ou brechas

Quero fazer amor com você
como ato final da nossa história de amor
como prenúncio de uma nova existência
como ponto definitivo de começo e fim do cicloperfeito do amor.

O mundo gira , as eras passam
a vida morre e renasce
as estações se alternam
e o amor sempre retorna ao começo renovado...
e gira, gira, gira ....

Leonardo Andrade
Leonardo Andrade
Enviado por Leonardo Andrade em 01/09/2006
Código do texto: T229927

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leonardo Andrade
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1568 textos (71179 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:18)
Leonardo Andrade