Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                       SE

SE VOCÊ FOR EMBORA
QUE SEJA BREVE.....
MAS... QUE NÃO, AGORA.
E... NÃO... NÃO LEVE,
OS SONHOS DE OUTRORA....


AH!.. MAS, SE VOCÊ FOR EMBORA,
QUE SEJA, NO ROMPER D'AURORA.
E... QUE O ORVALHO, CHORE
COMIGO ESSA HORA...
QUE O DIA A DEPLORE,
E... QUE O SOL, AS LÁGRIMAS, EVAPORE,
E, AS CARREGUE AO MAR,
PARA ALI, AS CHORAR....

MAS... SE VOCÊ FOR EMBORA,
DEIXE ABERTA,
UMA JANELA, UMA PORTA,
E MARQUE UMA HORA,
INCERTA... NÃO IMPORTA,
PRA... SUA VOLTA.
Teca
Enviado por Teca em 02/09/2006
Reeditado em 03/09/2006
Código do texto: T230881

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de Teca e o site www.recantodasletras). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Teca
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil
1121 textos (122848 leituras)
5 e-livros (1459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:44)
Teca

Site do Escritor