Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UTOPIA




06/07/2005.




Ah, minha loucura gostosa, como pode me tesar tanto assim?
Arrepiar-me com as tuas palavras,
Sonhar comigo os teus sonhos,
Fazer-me sentir completamente louca,
Realizada, satisfeita e feliz?
E minha fome te devora,
Insana me sinto bem
E com tua doçura me pedes
Que te faça mais assim...
E nossos corpos cavalgam no infinito
Não temos peso, consistência ou tato,
Mas nosso amor, tesão e desejo
Nos faz sentir nossa voz, nosso cheiro, nosso calor...
Sinto teu peso e te dou o meu,
Tuas mãos, bocas, dedos,
Caminham em mim e me devoram
Minha saliva, minha boca, toda em você está
Teu ardor me faz suar, e sinto teu calor espalhar em meus seios,
Em meu peito, em meu plexo, em meu coração em meu sexo...
Ah, meu amado menino, delicioso homem, pedaço do meu coração,
Divino garanhão, doce metade da minha alma...
Fica comigo o tempo todo, e me leva pra qualquer lugar,
Com você flutuo, ou me deixo estagnar...
Sou tua, entregue e desnuda, pra onde quiser me levar...
Pois nossa empatia, sintonia e harmonia
Cresce, se expande, e só faz aumentar.
Em todas as minhas lindas poesias você está
Tudo o que quero dizer, já estava escrito lá...
As mais loucas utopias, desejos e fantasias,
Você veio realizar, falando as mesmas palavras
E outras que eu nem ousava sonhar...
Você é meu presente divino, certeza que os sonhos podem se realizar,
Leva-me nas suas asas, meu Pégaso, vamos nas estrelas nos amar,
E com seu amor, meu golfinho, até o fundo do oceano quero chegar...
Agradeço por você existir, agradeço por tanto me dar,
Quando lembro de ti não me canso
De gozar e esse amor abençoar!
Obrigada, Deus, Cosmos, Vida!
Pelos meus sonhos e utopias em realidade transformar
Que nunca sonhei existir nessa vida,
E tanta felicidade encontrar.
Edilene Barroso
Enviado por Edilene Barroso em 04/09/2006
Código do texto: T232168

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Edilene Barroso
Campinas - São Paulo - Brasil, 53 anos
192 textos (21457 leituras)
12 áudios (4784 audições)
5 e-livros (337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:06)
Edilene Barroso