Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Caro Anjo....(Publicado)

Anjo, talvez a vida um dia
relate a mim teu destino.
Por que o partir repentino?
Por que me atiraste ao léu?

Anjo, quem sabe eu ainda encontre
teus passos onde quer que eu ande,
por que foste fria e cruel?

Anjo, talvez nas noites de insônia
eu sinta o frescor da colônia
que inebriava meu corpo domado,
que te fazia, o próprio pecado,
que enaltecia teus lábios de mel.

Anjo, mesmo com toda amargura
plantada em meu peito por ti,
eu nunca deixei de te amar...
Tornaste-te as palavras que escrevo,
e o mero lembrar dos teus beijos
inflama as forças do passado.
As forças do amor tão sagrado,
o amor que deixaste em mim...
Lord Solrac
Enviado por Lord Solrac em 05/09/2006
Reeditado em 20/01/2007
Código do texto: T233351
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lord Solrac
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 28 anos
66 textos (30618 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:18)
Lord Solrac