Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Como nasceram minhas poesias

Minha primeira poesia nasceu de uma canção
A outra nasceu quando eu estava no fundo do poço
A outra veio quando tive a alegria de ser pai
A outra foi encomendada pelo meu coração
A outra,quando me senti escravo de um amor
A outra,quando fiquei deprimido
A outra,quando sonhei que estava voando
A outra,quando estava amando

Depois de muitas outras...
Conclui que amor mesmo na solidão ressurge
Porque se apega a esperança do amanhã
Mesmo sem ver o sol surgir
Não deixa sua alma se deprimir
Zedio Alvarez
Enviado por Zedio Alvarez em 09/09/2006
Reeditado em 20/10/2008
Código do texto: T236036
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zedio Alvarez
Petrolina - Pernambuco - Brasil, 59 anos
3324 textos (117337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 17:04)
Zedio Alvarez