Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Depois de amanhã

Até a lucidez tomar conta de nossos espíritos inquietos,
Até a sensatez fazer jus ao seu papel domador de rebeldias,
Beijaremos aqueles que não queremos para esquecer aqueles por quem esperamos,
Fingiremos-nos de caça para sermos caçadores implacáveis de ingênuos,
Repetiremos do alto de nossa frieza que é possível evitar a paixão,
Continuaremos exigindo grandes provas de amor a todo o momento,
Iludiremos-nos afirmando que a vida é comum e por isso nos basta,
Tentaremos ser “bonzinhos” aos olhos de um mundo de cobranças sem sentido,
Odiaremos a pessoa que não nos liga no dia seguinte sem esquecê-la,
Persistiremos na busca do entendimento da fala da raposa em Saint- Exupèrry,
Teimaremos no fato de não sermos valorizados por quem desejamos,
Continuaremos achando que os amigos sempre estarão ali à nossa espera...

Assim:

O tempo ainda será essa incógnita,
Os sonhos uma vontade de realização,
O beijo uma sensação de encontro,
As bocas um questionamento mudo.

Por isso:

Paralisia e TV alienante para esquecer,
Ou mangas arregaçadas para fazer acontecer...

Olhares e palavras se confundem na torrente de sentimentos e entendimentos.
Andretti
Enviado por Andretti em 11/09/2006
Código do texto: T238060

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andretti
Arapiraca - Alagoas - Brasil
599 textos (12975 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:22)
Andretti