Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NUM DIA DE FINAL DE AGOSTO

Quando o sol vem surgindo,
Neste dia tão lindo de final de agosto,
Sinto tanta alegria,
Porque sei que neste dia viverei com tanto gosto.

O inverno, então, já era;
Logo vem a primavera.
Surje então uma flor, tenra e tão gela,
Que alegra o meu coração
E eu, com tanta emoção,
Ensaio uma canção para ela.

Ah! Não é só para você, primavera.
Mas você me trará tão gentilmente a flor
E toda essa coloração,
que eu, com tanta emoção,
Levarei pro meu amor.

Wilson Amaral

Após longo período de chuva no gelado mês de agosto de 1986, da janela de minha sala na empresa em que trabalhava, vi na possa d'àgua da estrada em reforma, raios de sol atrevidos que irrompiam de entre as nuvens para nos aquecer daquele frio crônico.
Aquecido o coração, tive vontade de desenhar meu sentir e no papel vegetal desenhei a Nankin um chalé à beira da praia junto a uma palmeira, tendo por detrás o sol radiante.
Lembrei de uma menina que conhecera no final de semana anterior, a quem eu veria no sábado seguinte. Daí brotou do peito este poema, que eu rabisquei num papel qualquer, sendo que nunca mais o vi, mas jamais o esqueci.

Wilson Amaral
Breve Jesus Voltará
Enviado por Breve Jesus Voltará em 12/09/2006
Reeditado em 26/03/2008
Código do texto: T238653
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Breve Jesus Voltará
São Leopoldo - Rio Grande do Sul - Brasil, 50 anos
1124 textos (254519 leituras)
5 e-livros (9345 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:09)
Breve Jesus Voltará