Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pintando as Curvas do teu Corpo


Exalas pela tua pele os perfumes das rosas,
Portanto, banhar-te-ei com rosas vermelhas,
Cada centímetro das tuas curvas gostosas,
Maravilhosa! Não te mexas, deixe-me te ver,
Ah... que bela composição branca e vermelha...
O que falta a ti para serdes uma obra de arte?

Destarte, sei que sois a própria musa da beleza,
Que mulher faceira! E esse teu sorriso luxurioso,
Teu corpo fogoso posa para minha humilde tela,
Minerva! O meu pincel é impotente peranti ti,
Como pintar a perfeição? Tintas e papel de seda,
Amarelo, vermelho, preto, azul, querem formar-te,
Gauguin, Da Vinci, Monet, sei que contemplar-te-iam,
Mas, feliz, eu diria que apenas foste feita pra mim!




Todos os Direitos Reservados pelo Autor.
Fábio Pacheco
Enviado por Fábio Pacheco em 17/09/2006
Reeditado em 19/09/2006
Código do texto: T242586
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Pacheco
Recife - Pernambuco - Brasil
1095 textos (55956 leituras)
10 áudios (233 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:53)
Fábio Pacheco