Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORAGEM PRA DIZER

Eu preciso me cuidar,
aprender a conviver comigo mesmo,
não permitir que meu desejo
se extravase assim,exigindo
que tenham presença
ou piedade de mim..

Este aceno ou grito que não
encontra repercussão, já
deveria ser de conhecimento
de minha razão,afinal, não é de
hoje que convivo na consternação.

É preciso parar, rever
os momentos aflitivos,
e saber qual a razão deste
constante estado de solidão.

Preciso também saber
porque só cultivo desamor,
se a intenção foi sempre de
apego e crença no amor.

Será que é em função do
meu reclamo, que não
farta ninguém e demonstra
tom ameaçador?

Ou será que esse jeito
carencial já faz parte
de minhas entranhas,
por não ter ninguém?

Pois é, não é nada bom
viver a expensas do tempo
dos outros, esperando o
avigoramento do denodo
para me livrar da vergonha
desta sentença.


 


 

















No
Wil
Enviado por Wil em 17/09/2006
Código do texto: T242765
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2623 textos (84622 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:55)
Wil