Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GUERREIRO DO AMOR

Cada dia que começa
Sempre nos arremessa
Para um profundo mistério
De não saber o que nos espera

Todo dia é diferente
Não importando o que ontem se fez
Sabemos que devemos seguir em frente
Enfrentando a própria timidez

Ao sair pela porta de casa
Deixamos o abrigo seguro
Ficamos como ovo sem casca
Borboleta sem casulo

Expostos estamos agora
A toda sorte de ataques
Temos que enfrentar o mundo aqui fora
Sem recear os embates

Viver é guerra constante
Uma batalha atrás da outra
Que só venceremos mediante
Não fazendo nenhuma afronta

É preciso ser guerreira
Lutar pelo que se quer
E não deixar de nenhuma maneira
De ser exatamente como se é

Essa guerra diária
Não requer armamento
Lutamos contra aquela força contrária
Que está em nosso pensamento

Usemos o bom senso como flecha
A fé como punhal
Não deixemos nenhuma brecha
Para que entre o mal

E assim passaremos por mais um dia
De luta pela felicidade
Que sempre chega mesmo que tardia
Para aquele que luta sem covardia

Guerrear para viver
A paz em total esplendor
Nunca deixando de ser
Um guerreiro do amor
LoucaporPoesia
Enviado por LoucaporPoesia em 20/09/2006
Código do texto: T245071

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (LoucaporPoesia). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
LoucaporPoesia
Casimiro de Abreu - Rio de Janeiro - Brasil, 53 anos
524 textos (104801 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 11:00)
LoucaporPoesia