Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mas por que?

Mas por que;
Desejo o teu beijo como a água;
Quero teu abraço como o calor;
Não acredito que isso esteja acontecendo.

Mas por que;
Você não está aqui junto a mim;
E estou aqui sempre só;
Não quero ter que sentir esse frio.

Sei que isso é loucura;
Mas sei também que podemos nos sentir;
E podemos ficar juntos;
Mas o que importa a hora agora.

Quero apenas sentir você aqui;
Não importa mais a hora;
Quero apenas sentir você aqui;
Sempre ao meu lado.

Sem me preocupar;
Com a dor que está aqui;
Sem me preocupar;
Com a solidão que virá depois aqui.

Mas por que;
Tu estás sempre aqui em meus pensamentos;
Não sei mais em que mais pensar;
Para tirar você de meus pensamentos.

Quero entregar-me a ti;
Meu coração está cheio de dor;
Mas está sedento de amor;
Quero entregar-me a ti.

Sem me preocupar;
Com a dor que está aqui;
Sem me preocupar;
Com a solidão que virá depois aqui.

Não me importa mais;
O que irei sentir depois;
Não me importa mais;
Se será apenas uma vez.

Mas por que;
Estás aqui em meus pensamentos;
Mas por que;
Estás aqui em meus sentimentos.

Este seu sorriso que me faz;
Esquecer de tudo esquecer do meu medo do escuro;
Este seu sorriso que me traz;
A luz para minha escuridão;
Escuridão dessa minha solidão.


Hugo Gonçalves Costa
poeta do silêncio
Enviado por poeta do silêncio em 25/09/2006
Código do texto: T248833
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poeta do silêncio
Carapicuiba - São Paulo - Brasil, 35 anos
84 textos (9106 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:12)