Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Até Amanhã

De desejo de você
Treme meu corpo,
Arde em febre minha carne,
Sangro como de um ferimento profundo.
Em delírio pela culpa
Da ausência dos braços que curam tamanha dor,
Vejo fadas tentando salvar-me
Das garras dos demônios
Que sentenciam minha solidão.
Minha alma jaz
No vazio dos porquês sem respostas.
A dor do tempo não cumprido
Tira-me o sono;
Agora sou um movimento sem razão.
Falta-me sanidade.
Grito, choro, clamo por seu nome em silêncio;
Entre soluços de pranto
Entrego-me à penumbra da fadiga,
De um sono profundo...
Convencendo meu coração
Que trata-se apenas de um pesadelo.
Vivian Logullo
Enviado por Vivian Logullo em 28/09/2006
Código do texto: T251720

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Vivian Logullo (www.recantodasletras.com.br/autores/vivianlogullo)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vivian Logullo
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
148 textos (4838 leituras)
6 áudios (280 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:33)
Vivian Logullo