Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lógica?

Um “teu” num “meu” insiste
E com o amor sonolento
Destes que eu só lamento
Coisa que não existe?

Incerto futuro sem jeito
Em um buraquinho vou espiar
Só para ver o amor durar
Mas certo bato com a mão o peito!

Ai! Que lágrimas já chorei!
Desde o sol do meio –dia
Até a noite em sua lua fria
Pelo muito que te amei

Quanto custa amar assim?
Minha terra, minha flor
Minha vida, meu amor
Isto está longe do fim...

Até parece coisa ruim!
E carregando essa dor
Vou descansar enfim.
Hector Tadeu
Enviado por Hector Tadeu em 29/09/2006
Código do texto: T251935
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hector Tadeu
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 37 anos
15 textos (875 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:12)
Hector Tadeu