Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VADIA

ela...

nem sei...

só sei que...

ela...

palavras não expressam
o tempo não influi
promessas não regressam
do lugar pr'onde fui

inatingível deleitar
alma cativa acomodada
delirante em seu amar
e em sua dor afogada

não esqueço aquele dia
meu corpo quente
você fria
mesmo que tente
não teria
como te esquecer vadia

nu!, deserto e solidão
invadida alma a sofrer
pulsar!, flagelo do coração
para! me mata ou me faça morrer

vadia...
me come, me arrasta e se queixa
vadia...
te amo, te quero, me deixa!






MaxVc
Enviado por MaxVc em 29/09/2006
Código do texto: T252174
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MaxVc
Goiânia - Goiás - Brasil, 35 anos
75 textos (4215 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:16)
MaxVc