Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SERA ISSO VINGANCA

Ela chegou chegando
Me ofereceu um abraco e eu  te dei meu  mundo
por ela fiquei mudo pra  mim ela era so segredo
era cego enxergando
um burro com diploma
e  dizia que me  amava
prometeu amor eterno
 nao prometi pois meu coracao ainda ama
Me prometeu filhos e eu os quis
mas me  disse  -agora nao
quis te la pra sempre e ela nao
lhe dei meu tudo minha casa meu dinheiro meu nome
mas ela partiu sem me avisar
me deixou asim e na casa um colchao e um bilhete  no chao ao lado de um cobertor

NAO E COM DOR
PARTO SEM AMOR POIS VOCE JA NAO TENHO O QUE QUERO
MAS ME ALEGRO EM SABER QUE JA TENHO OUTRO QUE NAO E COMO VOCE AFINAL COMO DIZIA MINHA AVO
PAU QUE NASCE TORTO MORRE TORTO
PORTANTO NAO TE QUERO POIS NAO QUERO SER COMO VOCE

quase morri em meu ao sangue que virou meu coracao
mas sobrevivi
e hoje estou aqui nesse telefone em que voce mandou meu amor me chamar
nao adianta chorar vou desligar e por favor nao me ligue mais mas so uma coisa VOCE ME CHAMOU DE PAU TORTO E DISSE QUE EU NAO TINHA JEITO MAS,
AMOR EU NAO MORREREI TORTO POIS JESUS E MARCENEIRO
NANDINHO FERNANDES
fernando da stela
Enviado por fernando da stela em 30/09/2006
Reeditado em 04/10/2006
Código do texto: T252955
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
fernando da stela
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
30 textos (3591 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:40)
fernando da stela