Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

sem título


Sabes tu en la tarde blanca
Sabe, moça bianca entre as folhas
Naquele chão – e aquele riacho
E à sombra daquela árvore
À beira do riacho
Aquele cacho de tenros seios
Aquele caule de teso amor
Aqueles cheiros
De mato, sexo e flor
E antes da noite
A lua amarela e quase branca
Amantes de la luna blanca
Bianca rosa do céu
Virgem do céu
Mulher do anoitecer
Eterno e imponderável.



Luciano Fortunato
Enviado por Luciano Fortunato em 03/10/2006
Código do texto: T255303
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luciano Fortunato
Mendes - Rio de Janeiro - Brasil, 46 anos
558 textos (78695 leituras)
19 áudios (362 audições)
13 e-livros (3241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:36)
Luciano Fortunato