Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PÁSSARO FERIDO

Voa pássaro ferido;
Cura esse coração partido;
Tenta refazer o caminho tortuoso por onde tu passaste;
Vá até o ponto em que tu erraste.

Não é porque tudo deu errado  que vais fraquejar e deitar-te num leito;
Sinta a força  interior que guardas no peito.
Lute até a exaustão mas não a deixe escapar;
Você pode e deve, basta querer acreditar!
 
Alcance a ponta do nó que se partiu em você;
Isso mesmo! Comece do zero. Pague pra ver!
 Que tal amarrá-la pra não cair?
Não tenhas vergonha de admitir: Eu errei e daí?...

Alguém te tocou, te cravou um punhal e te feriu, eu sei;
Mas você pode e deve fazer a sua própria lei.
A de transformar em renascer as dores do  sofrer:
E que te ressurgirá das cinzas, assim: bela e formosa, linda de viver!

Não uma lei da vingança igual a de quando se era criança.
Enxugue as lágrimas, abra esse lindo sorriso;
É só disso que preciso.
Vá minha Fênix, voa, renasça das cinzas, namora com a esperança!

(Malu Monte)
Malu Harrison
Enviado por Malu Harrison em 04/10/2006
Reeditado em 18/10/2006
Código do texto: T255745
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Malu Harrison
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
209 textos (21770 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:00)
Malu Harrison