Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

v˘o rasante...


Num vôo rasante, permaneço tão distante
na beira do precipício
Em sentimentos distantes, vejo vidas e semblantes
personagens fictícios
Trafegam faces errantes, no meio de tantos antes
se perderam em muitos vícios
Sua face é instigante, me chama a todo instante
a perder-me nesse vício
Dentre medos tão constantes, sentimentos radiantes
abro a porta desde o início
Deixo aberta...pode entrar, sentir e me procurar
Deixo a alma me tocar...um caminho tão difícil
Brisa leve
Enviado por Brisa leve em 07/10/2006
Cˇdigo do texto: T258894
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Brisa leve
BrasÝlia - Distrito Federal - Brasil, 34 anos
22 textos (997 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 07/12/16 16:36)
Brisa leve