Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM DIA

Um dia eu pensei saber
o que era o amor...
Pensei que o compreendesse...
que entendia tudo sobre ele!
Só não sabia que o amor
era o bandido da história!
Pois, o único que deixa saudade...
é o único que aoerta o peito,
até sufocar de dor!
É o único que nos escraviza,
a ponto de perdemos a identidade
e passamos a viver a vida do outro...
Ao mesmo tempo que choramos de alegria
choramos de tristeza também!
Vivemos os extremos sempre!
Mas...
o AMOR é sempre o amor!
Para ele,
tudo é possível...
tudo é érmitido!
Mas, nem tudo é sabido!
Arthemis
Enviado por Arthemis em 10/10/2006
Código do texto: T261082
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arthemis
Volta Redonda - Rio de Janeiro - Brasil
94 textos (2914 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:43)
Arthemis