Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As Palavras

As palavras procuram tua pele,
rondando a solidão do meu silêncio,
a querer que eu imprima, do que penso,
um verso passional que te revele...

As palavras andam tontas de encanto
pelo gosto de viver o teu olhar,
pois sabem que em teus lábios viram canto
quando as sílabas navegam pelo ar...

Elas deixam de ser tinta no papel,
Ganham asas em acordes de cristal
Quando as dizes com ternura musical,
Desde ti, alçam vôo para o céu.

Rebeladas no interior de minhas veias,
em um fluxo sanguíneo e verbal,
gota a gota... caem de cada digital
na esperança que, um dia, tu as leias.

E por mais que as mantenha em segredo,
não domino o instinto deste impulso:
sinto os verso fluindo pelos pulsos
e a poesia derramando-se nos dedos.

Talvez, tu nem percebas, distraída,
que os vocábulos pulsando em cada texto,
são desculpas sonoras, são pretextos
pra enviar-te, letra a letra, a minha vida.

Por isto, sangro um pouco toda vez
no êxtase que sinto quando escrevo,
vivendo a candura deste enlevo
que vira frenesi quando tu lês...

Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 10/10/2006
Reeditado em 10/10/2006
Código do texto: T261233

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (83349 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:25)
Vaine Darde