Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MÁGOAS AO MAR

         


Do mar escuto o som ritmado.
Como um chamado lhe vou ao encontro.
Sacode minh’alma o belo contato,
e me dá o marulho, alegria no confronto.

Nas verdes águas de branco debruadas,
jogo todas as mágoas a serem levadas.
Nem tantas! ... Uma soma minguada!
Mas, quantas que sejam, são logo lavadas!

Na vida se alternam choros e risos.
E, sentida saudade de tempos idos,
é como a liberdade... ventos alísios!

Levam vestígios de então paraísos,
e assim amenizam tempos vividos,
ainda frementes, na lembrança retidos!






Marcos Costa Filho
Enviado por Marcos Costa Filho em 14/10/2006
Código do texto: T264586
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Costa Filho
Rio Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 79 anos
79 textos (1739 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:46)
Marcos Costa Filho