Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

com som em
http://www.moacirindio.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=264594

AQUELA LOURA


prá melhorar minha fraca visão, comi eu cenoura,
e robusteci a saúde bebendo Biotônico Fontoura.
prá que chovesse Amor na minh'alma, a 'lavoura',
fiz eu tanta reza, tomei muito banho-de-salmoura.
busquei na Faculdade da Ternura por u'a 'Caloura',
mas, desilusão do cuore corta qual afiada tesoura.
já ia desistir, então, quando conheci aquela Loura!
varri os restos de paixões com u'a sutil 'vassoura':
o Amor,  dádiva do Eterno que nossa vida doura.

Moacir et Selena 2006
brilhe a vossa LUZ!


renunciando à impiedade e às paixões mundanas,
vivamos no presente mundo sóbria, e justa, e piamente,

(Tito 2:12)
Moacir et Selena
Enviado por Moacir et Selena em 14/10/2006
Reeditado em 14/10/2006
Código do texto: T264594

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome dos autores e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Moacir et Selena
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
736 textos (71200 leituras)
8 áudios (1059 audições)
5 e-livros (2339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:47)
Moacir et Selena

Site do Escritor