Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

você, anjo

está lá
você ou tu
inofensiva e indefesa
com as tuas asas de anjo
meu doce anjo dourado
louro e impossibilitado
(querem alguns) de voar

mas somente até
quando tu mesma quiseres

até quando então tu tiveres
que pra ti mesma mostrar
que és como aquela pomba
dona da sua liberdade
que ninguém pode retirar
nem que ela seja a verdade
que não se encontra no ar


Rio, 15/10/2006 (dia do professor)
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 16/10/2006
Código do texto: T265433

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6596 textos (144499 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:34)