Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MAIS FRAGIL DO QUE UMA FLOR.

Tempos ruins me retiram a inspiração,
Junto com a vontade de viver, falando de amor,
No entanto, vejo que os meus pensamentos
E sentimentos, jamais abandonam o amor.

Pois mesmo vivendo o sofrimento eu escrevo,
Falando das minhas dores e decepções,
Onde o amor por alguém tem sido isolado,
Por ele imaginar coisas erradas a meu respeito.

É ele pensa que sou forte e agüento tudo
No entanto, sou mais frágil do que uma flor,
Por isto lhe peço: Não pise no meu amor!
Porque sofro e já não suporto tanta dor...
Glaucia Duarte
Enviado por Glaucia Duarte em 16/10/2006
Reeditado em 14/10/2007
Código do texto: T266094

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glaucia Duarte
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
1954 textos (250877 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:38)
Glaucia Duarte