Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Minha Vida é Poesia...

Humildemente já pedi emprestados versos de alguém...
Quem sou eu, para dizer que não preciso de ninguém.
Assim nossa fonte poética, estará sempre garantida.
Zelo para que não falte o alimento da minha vida

Eu tenho muitos versos engavetadas na minha memória,
Que não foram mostrados...
Porque ainda não chegou a hora.

A minha densa antologia é muito importante para mim
Quando vim ao mundo, recebi uma incumbência
Para ser um poeta, contra tudo que for de ruim
Zedio Alvarez
Enviado por Zedio Alvarez em 20/10/2006
Reeditado em 01/11/2008
Código do texto: T268878
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zedio Alvarez
Petrolina - Pernambuco - Brasil, 59 anos
3324 textos (117356 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:43)
Zedio Alvarez