Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Sou Teu"

Amo-te com toda força de minha alma,
E entre todas as falas és meu idioma,
O pouco que conheço de meu universo
É teu sorriso,
O motivo de minha existência.

E para todos os minutos, o sempre,
Sou teu palavra e versos em forma de passos,
Sou teu arrepio em corpo nu, por dentre,
Sou o perfume de tua escolha.

Assim sou horas tua regredindo do tempo,
Sou as lágrimas que escorrem da vida, fugidas,
Sou o teu preenchimento e não o vazio,
Sou teu corpo, teu destino, tua alma.

E no repouso de meu instante,
Sou mais do que amor reconhecido,
Sou eu o que não sai de teu corpo,
Nem o que se esquece por tempo.

Estou entre sua virgindade e tua morte,
Sou o que estava escrito no roda pé do teu destino,
Não sou o que brinda sua saudade,
Sou sua liberdade voando pro mundo.

Soneto cantado ao longe para o infinito,
São minhas orações enviadas a cristo,
Faz-te minha no hoje e para o fim dos dias,
Pois o ontem são lágrimas perdidas.

E maior do que as horas que me cronometram do mundo,
É meu coração, acalanto para o seu infinito amor,
E colados como anjos encarnados em almas gêmeas,
Acompanhamos um ao outro.
-Então o fim, é apenas mais um recomeço.

Rodrigo Obelar
Enviado por Rodrigo Obelar em 20/10/2006
Código do texto: T268947

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Obelar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 35 anos
68 textos (2116 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 17:02)
Rodrigo Obelar