Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHOS CINTILANTES


De olhos presos nas estrelas eu pensava.
Pensava em tudo que se passara naquela tarde.
Deixava pra trás estradas, terras, viadutos...
Veículos, faróis.

Nós dois a sós... nós

Um sorriso maroto brincava nos meus lábios.
Nos meus olhos que brilhavam mais que todas as estrelas que via.
Mesmo assim eu partia.
Eu seguia, ia...
Mas sabia que voltaria.
Ah, sim. Eu voltaria.

Meus olhos cintilantes seguiam admirando as estrelas.
Mas minhas retinas guardavam sua imagem, meu amado.
Eu seguia com o coração ainda disparado.

SONIA DELSIN
Enviado por SONIA DELSIN em 22/10/2006
Reeditado em 01/04/2011
Código do texto: T270527

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SONIA DELSIN
São Carlos - São Paulo - Brasil
4043 textos (78127 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:13)
SONIA DELSIN