Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRAZER

Entre uma e duas da manhã,
entre quatro paredes claras,
entre lençóis,
entre teus braços e coxas,
entre pensamentos lúbricos,
lúcidos no momento,
entre a compreensão e o delírio,
estou.

(Poderia estar cruzando a madrugada,
com idéias outras de perda e sofrimento,
mas fui resgatado por teu amor
e, segurando a tua mão, sigo
ao meu destino absoluto:
és a prova da existência do bem.)

Entre nós e o sono, o teu olhar dizendo
entre!
Francisco C
Enviado por Francisco C em 24/10/2006
Reeditado em 28/11/2006
Código do texto: T272263

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.franciscocampos.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco C
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 48 anos
363 textos (25669 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 05:02)
Francisco C