Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Completos

Vejo limite
Na última folha
No topo da árvore,
E a verdade ainda mais além,
Por isso perdemos
A chance de acertar
A pontaria.

O vento esse que come
O tempo, traz-me entre as folhas
O que você expira,
Adivinha pelas cores do arco-íris
O que argumentam
Seu neurônios.
E me ensina a preencher
O vazio em meu peito,
E evitar suas lágrimas.

Carrego a dor de seu peito,
Pela minha fraqueza desse amor,
Suporto desejos, sentidos, união.
Entrego-te
Dentro dessa caixinha de
Música, o som da
Minha alma,
E assim terás
O que eu tenho,
completaras o inteiro.
-Estaremos completos.

E quando chorar,
Me ferirá,
Quando sofrer
Me sentenciará,
Quando sorrir,
Fará-me feliz,
Quando pensar em mim,
Estarei com você.
-Formamos apenas um.

Rodrigo Obelar
Enviado por Rodrigo Obelar em 24/10/2006
Código do texto: T272301

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Obelar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 35 anos
68 textos (2116 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:07)
Rodrigo Obelar