Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0856 - Apenas um sonho



 

 

Meu desejo viaja ao desespero,

meus pensamentos fazer orgia,

trazidos por lágrimas impuras

que me conduzem a solidão.

 

 

Outra noite fria, tenho medo,

que meus sonhos hão de dizer,

ela não está ao meu lado,

imperfeito, só o que sei pensar.

 

 

Diante de nós uma porta

separando nossos corpos,

os sentimentos são únicos,

as vontades, janelas que não abrem.

 

 

Não existe saída para o desamor,

sinto perder-me aos pedaços,

uma porção a cada dia que amei,

uma vida a cada lembrança.

 

 

Espero mais uma noite, um dia,

o abandono é evidente, amanhece,

acordo em um quarto escuro.

Dela, de repente um toque e um beijo.

 

 

24/10/2006

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 24/10/2006
Código do texto: T272495
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116251 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:27)
Caio Lucas