Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E assim...


 
E assim,
recrio o mundo em rimas
pelos portais de mim,
passando sonhos em cores,
abraço o corpo que amo
no mesmo amor que meu sangue tingiu.
 
Traço versos e reversos,
meus abismos marejam em vida,
vejo-me então feliz bailarina
na dança que serpenteia o tempo
delineando as linhas do corpo
que em minha própria sombra desenho.
 
E assim,
sou andarilha pelas esquinas de mim,
ensaio os passos uma vez sonhados
e canto meus amores,
presentes ou passados,
mas todos meus, assim, bem assim...
 
E olho a chuva
desenhando suave, amores perfeitos,
pelas vidraças agora bem abertas
que mostram o universo
que trago no peito.
 
19/09/2006

Aisha
Enviado por Aisha em 24/10/2006
Código do texto: T272504
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aisha
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 50 anos
791 textos (35174 leituras)
1 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:53)
Aisha