Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A NOITE É CURTA DEMAIS

I

Estamos deitados
a noite é curta demais

estamos calados
a noite é curta demais

descansamos do frenesi
a noite é curta demais

pensamos em não pensar
a noite é curta demais

O amor é grande
como a manhã, mas
a vida é curta demais

II

Estamos cansados da morte:
morremos de prazer
e queremos morrer de novo

Viciados em silêncio
morremos entre gemidos

A vida é curta demais

III
 
Deste-me mais
e eu me tornei inteiro
Dei o meu melhor abraço
o beijo como se derradeiro fosse
o suor

E abrimos
uma porta
que jamais há de se fechar

Acendemos
uma luz
que nunca irá se apagar

 
Francisco C
Enviado por Francisco C em 26/10/2006
Código do texto: T273964

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.franciscocampos.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco C
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 48 anos
363 textos (25669 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 21:54)
Francisco C