Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As palavras em meus versos...

Qual não é a minha surpresa,
quando vês sobre a mesa,
os traços, que de mim, minha mente faz!
E teus olhos então nublando-se
fazem chover lágrimas de sal!

Qual não é a minha alegria,
quando com euforia,
devoras meus traços,
e no espaço de tua face,
abres um sorriso largo,
lindo demais!

Qual não é minha surpresa,
quando os meus versos sobre a mesa,
te fazem silênciar!
Não sei o que passa por sua mente,
nem o sentimento que faz teu coração disparar...

As palavras em meus versos,
são o que me vem a mente,
são fluidos de pensamentos,
que sente os meus sentidos no ar!

Meus versos, são fotografias de momentos,
imaginários, etereos, espectrais...
Meus versos são por vezes indiscretos,
falam de nós por demais...
Em alguns versos, tente ver o verso
irás te encontrar inteira por traz!
Noutros mais indiscretos,
você esta em cada palavra do verso,
e o seu reverso são o que me faz sentir...
E esta é a verdadeira poesia,
que só poderá ser percebida,
por quem amar nesta vida, alguêm...
Como eu te amo, por demais... 

31/10/2006
Edvaldo Rosa
WWW.SACPAIXAO.NET
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 31/10/2006
Código do texto: T278296
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
1727 textos (173663 leituras)
23 áudios (10645 audições)
35 e-livros (8977 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:43)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor