Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0866 - Bom-dia



 

 

Perdi a voz,

por um canto qualquer da boca,

 na hora do beijo.

 

 

Os pássaros fugiram,

por algum buraco no céu,

voaram de manhã.

 

 

Enquanto eu dormia,

o sonho era dela,

um inferno queimava, mais abaixo.

 

 

Queria correr,

mas levaram minhas pernas,

então espero, até morrer.

 

 

Daquele amor que queria,

do sorriso sem a boca

com o beijo de céu.

 

 

Então me faz voar,

amor, não tenho que pedir,

amor é pra dar.

 

 

Volto ao antes de ontem,

ou quando quiser,

até que um dia me completa.

 

 

Sorria!

 

 

31/10/2006

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 31/10/2006
Código do texto: T278556
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116239 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:38)
Caio Lucas