Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ai de nós!


Ai de mim,
Ai de ti,
Ai de nós!
Mudos nos quedamos…
Sem voz.
A realidade é o algoz,
O algoz dos nossos sentidos,
Das palavras e gestos proibidos.
A prisão das nossas vontades,
Que desbotadas se esfumam.
O extintor implacável
Do fogo do nosso olhar.
Ai de mim,
Ai de ti,
Ai de nós!
Com tanto amor para dar…

Lucibei
Enviado por Lucibei em 02/11/2006
Reeditado em 12/01/2007
Código do texto: T280458

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Lucibei
Viana Do Castelo - Viana do Castelo - Portugal, 65 anos
2571 textos (87087 leituras)
14 áudios (1465 audições)
4 e-livros (1135 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:28)
Lucibei

Site do Escritor