Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

dia quarto

hoje completa um mês
e é dia de aniversário
de uma infeliz tempestade
que junto com muita saudade
deixou suas marcas no chão
no ar, nas paredes, nas mãos
coladas uma na outra
pedindo que tudo acabasse
e tudo, parece, se foi
o temporal pereceu
a chuva cedeu e parou
porém o mato não cresceu
os rios se avolumaram
com águas que não estão sorrindo
pelo menos pra mim
os passarinhos entoam
trinados que são de tristeza
penso que tenho a certeza
a grama ficou bem verdinha
as plantas, porém, não alegres
não porque eu queira assim
mas porque ela não veio
e não lhes deu seu sorriso
o tal de que tanto preciso
e que tanta falta fará
não tenho o que comemorar
não tenho que runo tomar
mas tenho que o remo usar
pro barco se locomover
sem ter que sair de onde está


Visconde de Mauá, RJ, 04/11/2006
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 04/11/2006
Reeditado em 05/11/2006
Código do texto: T281913

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6596 textos (144487 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:20)