Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um mero desejo:


Eu não quero...
Te, amar esta noite, apenas.
Eu quero te amar para sempre
Pois eu não sei, viver de momentos.
Comigo é tudo, ou então nada.
Porque se não for desse jeito
Não será amor, será apenas desejo.
Um mero desejo, e nada mais.
Pois nós não teremos prazer algum
Se não sentirmos um amor verdadeiro
Seremos apenas dois corpos nus
Jogados em uma cama, fingindo.
Fingindo um amor que não existe
Com falsos delírios e falsas entregas
Pedindo que esta noite acabe logo
Porque tem outro esperando por você.
Não, eu na quero ser aquele amante.
Que preencha este grande vazio
Que você, não consegue preencher.
Por não saber, amar um homem só.
Eu vou embora, sem nada levar.
Sem nada sentir, por você.


Volnei Rijo Braga


Balneário dos Prazeres: 03/11/2006


Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 04/11/2006
Código do texto: T282300
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147475 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:29)
Volnei Rijo Braga