Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Não foi por acaso

Você entrou em minha por acaso
Mas não foi por acaso que você permaneceu
Não foi por acaso que você conquistou um espaço
Em meu coração que agora também é teu

Agora enxergo com teus olhos
Já nem tenho mais opinião própria
O que você fizer... Pra mim está feito
Você quer assim? Tá bom! Eu aceito
Não sei mais quem sou! Faço tudo do teu jeito
Passei a viver em teu mundo
Que por sinal é um mundo perfeito

Quando estamos a sós
Vivemos em um mundo criado por nós

Você não me forçou! Não exigiu!
Não chantageou! Não pediu!
Não implorou! Só me fez perceber...
Que a melhor coisa da vida é poder dar e receber!
Juliana ladeira
Enviado por Juliana ladeira em 07/11/2006
Reeditado em 07/11/2006
Código do texto: T284312

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor, o link deste site, e envie um e-mail para julikladeira@br.inter.net , antes de copiar.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Juliana ladeira
Recife - Pernambuco - Brasil, 31 anos
107 textos (19165 leituras)
22 áudios (1156 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:44)
Juliana ladeira