Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU AMADO MORENO


O meu amado é moreno, cor do mel dourado e doce,
mas tem um leve travo do sabor amargo do passado,
para o amar, despedi de minha vida tudo o que fosse,
indispensável ao porvir deste louco amor tão ansiado!

Atracção marcante, obsessão que encadeia meus dias
em delírios de paixão contida, por vezes extravasada
em correntes de lágrimas ora desmentidas em alegrias
Enxugadas com o gosto renovado da alma enamorada

Pois que no altar deste amor, tudo imolei, incandescente
deixando marcas pelo céu deste fogo ardente e contido…
Que vai aquecendo minha vida, com lume lento e luzente
e como lava se agita pelas noites de sono mal dormido…

Ah moreno meu, teus olhos doces, cercados de negridão!
E tua voz aveludada em confidências e canções de amor!
Quero amar-te em deliciosos e ternos momentos de paixão,
e beijar tua boca gostosa, de lábios carnudos com fervor!

Se a minha vida findar na tentativa porventura insana e vã
de alcançar o amor tão pretendido e longamente pelejado…
que me importa se á terra descer meu corpo precocemente…

pois que nada mais é que vil matéria, que prende como imã,
este espírito que então livre, pode-se aliar ao teu, tão amado
e os dois volutearem enlaçados, rumo á luz que se pressente!
Fada das Letras
Enviado por Fada das Letras em 10/11/2006
Código do texto: T287207

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fada das Letras
Almeirim - Santarém - Portugal, 60 anos
243 textos (32132 leituras)
3 áudios (178 audições)
5 e-livros (288 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:47)
Fada das Letras