Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Então...

Então...
Silvana Cervantes
 
Se eu te entregar meu "sim"
amarelado pela demora,
promete ir a forra?
Acalma, a voz da razão,
que insistente zomba
da minha emoção?
Jura que não ri, da
última cicatriz, deixada
a unhadas em minha alma?
E se eu chorar?
Terá a calma de me calar?
Beijará faminto, meus lábios
salgados em lágrimas?
E se eu tragar o último cigarro,
misturando minha nudez
a embriaguez dos teus desejos?
Ainda assim, haverás de me querer?
 
Silvana Cervantes
Enviado por Silvana Cervantes em 13/11/2006
Código do texto: T290423
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Silvana Cervantes
São Paulo - São Paulo - Brasil, 50 anos
396 textos (36352 leituras)
5 áudios (2190 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:22)
Silvana Cervantes