Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pai que não abandona.




Mãos atoladas
Na cabeça do filho transgressor;
Afaga,
Bate,
Ora,
Esgana,
Espalma e faz concha,
Esconde a face da vergonha,
E colhe lagrimas triste.

Seus olhos não acreditam mais
Sente o teu corpo no filho
Preso nem pensa em fugir
Seu coração no momento de momento
Vira rocha
Cozida pelo vulcão
Solidificada depois
Sem a alma sentimental.

Os astros atingem os seus poderes
Misericordioso ato santo
Chorar por amor
É concepção eterna
Que o divino
Deixou como tesouro
Encontrado na face da terra
No coração do ser humano
Temente aos olhos de Deus.
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 15/11/2006
Código do texto: T291931
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 54 anos
721 textos (26293 leituras)
1 áudios (175 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:09)
Condor Azul