Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PAIXÃO SEMPRE

O que era ontem
tão forte quanto um sol
brilhando na imensidão do espaço,
hoje é lua
imensamente bela.

Não deixei a paixão fenecer,
mas hoje
convivo em paz com o fogo.
Apaixonei-me para viver ou morrer
e não foi fácil controlar
a gama de impulsos
que me sacudia.
Hoje a paixão é lua
e a noite sem lua
não é tão bela.

Às vezes, ao caminharmos juntos,
não seguro as mãos de meu amor.
Antes não largava:
posse confundida com zelo.
Hoje nossas almas se ligam
no invisível do sentimento.
Um olhar atou as nossas vidas
e há de nos ligar
até o fim de tudo.

O que virá amanhã?
Por quantos dias seremos um?
A noite termina,
mas a lua não deixa de existir.


Francisco C
Enviado por Francisco C em 16/11/2006
Código do texto: T292900

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.franciscocampos.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco C
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 48 anos
363 textos (25681 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:37)
Francisco C