Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pelo amor que por ti sinto


Vem me amar de um jeito tão louco, que
Um dia seja pouco p'reu te saciar enfim.
Vem me mostrar que a felicidade é tal coisa
Que transforma lobo em cordeiro,
Guerreiro em vilão, Japão em Brasil.
A natureza só é cruel pra quem não a merece,
Quem sempre subjuga o mais frágil ao seu bel prazer.
Como não sorrir por alguém que nos faz viver delírios
E sonhar realidades?
O amor que por ti tenho me transborda,
Me faz maior e melhor,
Me traz de volta um sonho de criança,
Uma esperança há tempos perdida.
Tu és minha luz
Meu ser, meu obus,
Meu pecado gostoso de cometer,
Meu doce antichatice,
Meu disse-me-disse em segredo,
Meu tal, meu ego,
Meu cego plano de amar.
Rodrigo Messias Cordeiro
Enviado por Rodrigo Messias Cordeiro em 19/11/2006
Reeditado em 07/07/2010
Código do texto: T295282

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Por R. Messias Cordeiro). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Messias Cordeiro
Feira de Santana - Bahia - Brasil, 33 anos
276 textos (13662 leituras)
9 áudios (1184 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:38)
Rodrigo Messias Cordeiro