Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

“Eu a lua você o sol”


Não me assustarei
Tentarei entender, compreender
Eu sou a lua você o sol
Ilumino a noite, você o dia
Nesses desencontros
Jamais será meu, um dia
A distancia a nos separar
Se pudéssemos nos encontrar
Poderíamos nos amar
O destino nos separou
Na solidão nos deixou
Nosso destino é viver viajando
Para o mundo da fantasia
Lá encontraremos alegria
Mas quando voltarmos para realidade
Sentiremos a dor da saudade
Em seguida nos separaremos
Viveremos ansiosos
Você queimando de desejo
Louco para saciar teus desejos
Enquanto eu, ficarei na frieza
Na tristeza
Haverá dia em que me sentirei tão pequena
Serei apenas uma metade
Por que não tenho você
Haverá dia em que irei crescer
Iluminar a todos e encantar
Cantarei alto para você me escutar
Mesmo com o brilho das estrelas
Não me ouvirás
E de noite não aparecerás
Quando estou triste, tento desaparecer
Fico na escuridão, cega por não ter você
As nuvens tentam nos entender
Como são românticas
Lágrimas caem sem parar
Em seu lamento, começam a reclamar
Dizem que você é o rei do dia
Que preciso me conformar
Tenho que voltar, o dia está chegando
Meu tempo acabando
Como sempre o destino nos separando
Vivemos infelizes
Sonhando esperançosos de um eclipse
Para em poucos minutos nos amarmos
Aliviando esse amor que vive a nos sufocar de saudade
Para nossa felicidade temos alguns segundos
Para minha tristeza o destino nos separa novamente
As estrelas tentam me animar
Com minha dor as nuvens começam a chorar
Lagrimas caem sem parar
Um amor tão recíproco
Sem frutos poder brotar
Um coração ardente esperando por um momento
Cada noite um sofrimento
Vivo em lamento
Sonhando com o precioso momento
De a gente se encontrar
Para em seus braços alguns instantes
Passar antes que o destino venha nos separar
Eu sou a lua você o sol.

Rozilene P. de Souza
/Natal-RN
rozilene Pereira
Enviado por rozilene Pereira em 30/06/2005
Reeditado em 08/07/2008
Código do texto: T29610

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
rozilene Pereira
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 34 anos
202 textos (59886 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:39)
rozilene Pereira